sábado, 11 de março de 2017

MAIS UMA FATALIDADE ?

A polícia investiga a morte de uma adolescente de 14 anos dentro de uma sala de aula em Cachoeirinha, na Região Metropolitana de Porto Alegre. O crime ocorreu na tarde de quarta-feira (8). Conforme o delegado Leonel Baldasso, responsável pelo caso, a vítima teria se envolvido em uma briga com outras três adolescentes, duas de 12 anos e uma de 13 anos.

"Informações preliminares apontam que a vítima foi empurrada e bateu cabeça na mesa", observa o delegado. A polícia ainda desconhece as causas da briga. "Vamos aprofundar as investigações e saber qual a motivação da briga. Ver se houve intenção de matar e, havendo intenção, as adolescentes vão ser enquadradas por homicídio", completo.

Após o caso, as três adolescentes foram levadas para a Delegacia de Pronto Atendimento (DPPA). Em seguida, foram liberadas. A polícia também vai apurar a conduta dos funcionários da escola.
'Não tinha lesão', diz coordenadora de posto
A coordenadora do posto de saúde onde a adolescente foi atendida, Gelci Machado Rodrigues, disse à rádio Gaúcha que a menina não apresentava marcas de agressão. “Não tinha lesão alguma, estava no chão, ela espumou um pouco pela boca, acredito que na hora do óbito”, relatou. Devido aos sintomas, a servidora acredita que ela tenha sofrido uma convulsão.

Gelci conta que foi chamada por uma professora que chegou à unidade de saúde pedindo ajuda, relatando que uma "menina tinha passado mal e desmaiado".  "Quando chegamos, ela estava sendo reanimada por um professor, com massagem cardíaca, enquanto uma professora fazia respiração boca a boca, e outra passava álcool nas extremidades", lembra.

Pouco tempo depois, uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou ao local. "Quando o Samu chegou, se tentou por várias vezes fazer a massagem, deram choque, sem resultado algum”, diz a coordenadora, acrescentando que a jovem foi levada para o Hospital Padre Jeremias, aparentemente já sem vida.

A coordenadora do posto observa que na escola ninguém relatou briga entre adolescentes. "Em momento algum se falou em briga. Perguntei o que tinha acontecido, e um professor me disse que ela caiu da cadeira, em momento algum foi falado em briga. Fiquei sabendo da briga, depois, pelas redes sociais", afirma.

Aulas foram suspensas nesta quinta-feira
Devido à morte da adolescente, as aulas foram suspensas nesta quinta-feira (9). A diretora da escola, Fani Drehmer de Oliveira, observou em entrevista à rádio Gaúcha que a situação ocorreu na troca de turno de aulas.

"O professor estava se dirigindo para a sala de aula e, nesse meio tempo, os alunos me ressaltaram que tinha uma aluna passando mal. Quando chegamos, ela estava deitada no chão da sala, desacordada, convulsionando", relata.

Fani soube que teria ocorrido a briga já no hospital. "Estava no hospital com a mãe e um professor me relatou da briga, mas não sei bem dizer se o óbito foi em consequência disso, é algo que está sendo investigado", diz.

A diretora reforçou que a menina não apresentava marcas de agressão, e observou que questionou a mãe da adolescente sobre problemas de saúde da filha. "Disse que não, que a menina tinha apenas asma", conta.

Fani classificou a morte da adolescente como uma "fatalidade". "Estamos muito abalados com a situação", resume.
Marta Avelhaneda Gonçalves faria 15 anos em junho, e a família já começava a planejar a festa. Mas o aniversário, o sonho de cursar medicina, a vida inteira de Marta ficou pelo caminho: ela morreu na última quarta-feira após uma b... - Veja mais em https://educacao.uol.com.br/noticias/bbc/2017/03/10/morte-de-menina-em-escola-expoe-rotina-de-violencia-nas-escolas-publicas.htm?cmpid=copiaecola
Foi velado na manhã de quinta (9) o corpo de Marta Avelhaneda Gonçalves, 14 anos, morta após se envolver em uma briga dentro de sala de aula Marta Avelhaneda Gonçalves faria 15 anos em junho, e a família já começava a plane... - Veja mais em https://educacao.uol.com.br/noticias/bbc/2017/03/10/morte-de-menina-em-escola-expoe-rotina-de-violencia-nas-escolas-publicas.htm?cmpid=copiaecola
Foi velado na manhã de quinta (9) o corpo de Marta Avelhaneda Gonçalves, 14 anos, morta após se envolver em uma briga dentro de sala de aula Marta Avelhaneda Gonçalves faria 15 anos em junho, e a família já começava a plane... - Veja mais em https://educacao.uol.com.br/noticias/bbc/2017/03/10/morte-de-menina-em-escola-expoe-rotina-de-violencia-nas-escolas-publicas.htm?cmpid=copiaecola
Foi velado na manhã de quinta (9) o corpo de Marta Avelhaneda Gonçalves, 14 anos, morta após se envolver em uma briga dentro de sala de aula Marta Avelhaneda Gonçalves faria 15 anos em junho, e a família já começava a plane... - Veja mais em https://educacao.uol.com.br/noticias/bbc/2017/03/10/morte-de-menina-em-escola-expoe-rotina-de-violencia-nas-escolas-publicas.htm?cmpid=copiaecola

Nenhum comentário:

Postar um comentário