quarta-feira, 16 de julho de 2014

PREVENÇÃO DE ACIDENTES NAS FÉRIAS ESCOLARES

Celpe dá dicas de segurança para evitar acidentes nas férias escolares

Publicação: 02/07/2014 14:56 Atualização:

Com a chegada da época de férias escolares, a Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) está alertando para situações de risco e orienta procedimentos que garantem maior segurança dentro e fora de casa, evitando choques elétricos e ocorrências envolvendo a rede de distribuição, 

Uma das principais medidas é manter as crianças longe de tomadas, fios e aparelhos elétricos. No caso de tomadas devem ser utilizado protetores para que não sejam introduzidos objetos metálicos. Usar o “T” (benjamim) de maneira definitiva também é perigoso, pois além de sobrecarregar as tomadas, pode causar curtos-circuitos e incêndios.

Os adultos devem sempre evitar que aparelhos eletro-eletrônicos como TVs, videogames, entre outros, sejam plugados ou desplugados das tomadas por crianças. Na ocasião em que seja necessário manusear equipamentos, como abrir a porta da geladeira, é preciso estar atento para não permitir que a criança faça isso descalça ou mesmo com o corpo molhado. A Celpe lembra que água e energia não combinam.

Outro alerta importante são os cuidados com as pipas, um divertimento comum no período de recesso escolar. A recomendação da Celpe é para que a brincadeira somente aconteça em lugares abertos e sem rede elétrica por perto, como parques, praias, campos de futebol e áreas afastadas dos centros urbanos. Pipas em contato com a rede elétrica podem resultar em acidentes, provocar curtos-circuitos prejudicando o fornecimento de energia.

A concessionária reforça que é terminantemente proibido subir em postes ou entrar em subestações para, por exemplo, pegar pipas ou buscar bolas. Nos dois casos, os acessos só estão autorizados aos profissionais da Celpe. Todas as brincadeiras devem ocorrer distantes da rede de distribuição de energia.

A Celpe lembra que a energia elétrica gera benefícios como bem-estar e conforto se utilizada corretamente. Em casos de acidentes, desligue o disjuntor elétrico ou a chave geral e providencie socorro ligando para o Corpo de Bombeiros (193) ou para o Samu (192). Chame a Celpe (0800 081 0196). É importante não tocar na vítima ou em fios elétricos sem se certificar se estão desligados.

FONTE DIÁRIO DE PERNAMBUCO

Nenhum comentário:

Postar um comentário