quarta-feira, 30 de abril de 2014

ALARMES E CFTV


segunda-feira, 28 de abril de 2014

SEGURANÇA DO TRABALHO


VERGONHA


DIA DA EDUCAÇÃO


HORA DE MUDAR


EM MEMÓRIA DE MUITOS TRABALHADORES !


PARCEIROS DA BRADO ASSOCIADOS


FUNDACENTRO


JUNTOS PELA SAÚDE NO TRABALHO


quarta-feira, 23 de abril de 2014

2014 EDUCAR EDUCADOR EM SÃO PAULO


EDUCAR EDUCADOR 2014


REVISTA EMERGÊNCIA


SEGURANÇA DO TRABALHO


EDUCAÇÃO PRESENTE


OBJETIVOS DO OBSERVATÓRIO DE SEGURANÇA ESCOLAR

OBJETIVOS DO OBSERVATÓRIO DE SEGURANÇA ESCOLAR ( OSESC )
O OSESC documentará, acompanhará e avaliará as políticas públicas de segurança e educação, ressaltando as principais iniciativas, debates, Projetos de Lei e Leis sobre o tema.  Observaremos a importância da aplicação da gestão de qualidade, projetos e gestão de riscos nas boas práticas das escolas particulares. As informações sobre violência e crime, prevenção ao uso de drogas, prevenção de acidentes, policiamento comunitário e ronda escolar, administração de segurança escolar e iniciativas locais de segurança ficam disponíveis aos interessados.
COORDENAÇÃO

ENTREVISTA COM ULISSES NASCIMENTO, CES

Revistafotonews - Quais são os objetivos do Portal Observatório de Segurança Escolar e da Revista Segurança Escolar ?

Ulisses Nascimento, CES - Os Portais estão em construção, pois a sua primeira versão tratava de uma consultoria de Análise de Riscos em Escolas e Universidades e como era um Portal Comercial deveria gerar negócios, fato que não ocorreu.Como é de seu conhecimento estamos trabalhando em uma nova configuração e que poderá ser mais interativa com professores, alunos e todos que estão no meio escolar. As pesquisas e estudos continuam e estamos recebendo várias demandas de outras cidades e pelas redes sociais todos poderão obter informações, inclusive pela Consultoria Brado Associados de São Paulo.

Minha nova Consultoria criou  uma revista eletrônica sobre o segmento e estaremos finalizando em breve, inclusive com a criação de cursos, eventos e treinamentos para professores e reportagens inéditas sobre o ambiente escolar no Brasil.

A REDAÇÃO

DIA MUNDIAL DO LIVRO


PORTEIROS ESCOLARES


DIA MUNDIAL DO LIVRO


NO BULLYING


DIRECIONAL EDUCADOR


quarta-feira, 16 de abril de 2014

REVISTA SEGURANÇA ESCOLAR / BRADO ASSOCIADOS





PROJETO LER


CAÇADA AO ESTUPRADOR NA FRANÇA

Jovem sofreu abuso na escola La Rochelle, sudoeste da França. Estudantes também estão sendo submetidos aos testes de DNA

A polícia francesa exigiu que estudantes do sexo masculino e funcionários de uma escola no sudoeste da França - 527 pessoas no total - façam exames de DNA enquanto autoridades procuram pelo autor de estupro contra uma aluna.
O mutirão de DNA começou nesta segunda-feira (14) em La Rochelle e até agora ninguém se recusou a participar, de acordo com a promotora Isabelle Pagenelle. Anteriormente, ela já havia avisado que quem se recusar a participar será considerado suspeito e pode ser levado em custódia policial.
O teste realizado em estudantes do sexo masculino, professores e funcionários da escola Fenelon-Notre Dame devem acontecer até quarta-feira (16). Isabelle informou que os investigadores esgotaram sua lista de suspeitos pelo estupro, que ocorreu no dia 30 de setembro em um banheiro da escola.
A polícia recuperou o material genético de roupas da menina, mas não encontrou sinais do estuprador no banco de dados de DNA do país. A França tem uma extensa base de dados de DNA, com um total de 2 milhões de perfis em arquivo a partir de 2012 - cerca de 3% da população.
"Isso aconteceu durante o dia em um espaço restrito da escola," afirmou Chantal Devaux, diretor da escola católica romana privada, durante coletiva. "A decisão de ter uma amostra grande como essa porque era a única maneira de avançar na investigação."
Foram chamados para participar dos testes 475 estudantes, 31 professores e outros 21 homens - funcionários ou pessoas que estavam no campus no momento. O escritório de Isabelle, que exigiu a autorização dos pais para os menores de idade se submeterem ao exame, diz que vai descartar qualquer resultado de DNA eliminado da lista de suspeitos.
“Achamos que há uma forte probabilidade de que é alguém aqui de dentro, ou pelo menos alguém que conhece o edifício muito bem ", disse a promotora.

terça-feira, 15 de abril de 2014

ENTREVISTA COM ULISSES NASCIMENTO, CES

Entrevista de Ulisses Nascimento, CES para a Revista Fotonews

Ulisses Nascimento - Gestor de Segurança Privada formado na Universidade Paulista. Pós Graduando em Educação na Universidade Paulista ,  MBS da FAPI FESP /Brasiliano Consultoria. Profissional com mais de vinte e cinco anos de experiência na área de segurança corporativa, oficial da reserva do Exército Brasileiro na arma de Cavalaria, Instrutor e EX Coordenador de Segurança Universitária e GR no Campus Anchieta da UNIP, especialista formado pela mesma Universidade, atual Assessor Técnico do GIASES ( Grupo Integrado de Apoio à Segurança do Ensino Superior do Estado de São Paulo ) , membro da OBESST, associado à ABSO, ex diretor do Conseg do 83DP – Parque Bristol SP , membro da Comissão Estadual de Polícia Comunitária e Direitos Humanos, Coordenador de Governo da ABGS nos anos de 2007 - 2008 e Vice Presidente da Área de Governo do IFIDUS. Possui diversos cursos de Extensão Universitária na Brasiliano Associados e Universidade São Judas na área de Gerenciamento de Riscos , Planejamento de Segurança e Cenários Prospectivos . Indicado três anos seguidos 2007, 2008 e 2009, para receber o Prêmio Destaque da Segurança Empresarial no Brasil pelo portal CIPANET. Palestrante e articulista de diversos sites e Revistas especializadas na área de segurança. Sócio do Portal Escola Protegida e Security Manager da Grans Nascimento Associados Brasil.


Revistafotonews - Qual foi o maior aprendizado que você teve na Segurança ?
Ulisses Nascimento - Caros leitores, o maior aprendizado que tive na área de Segurança Corporativa é que devemos nos comprometer com o trabalho e nos dedicarmos de coração pelo que fazemos, em algumas palestras motivacionais para corpos de segurança em indústrias e universidades destaco a importância da paixão que temos que imprimir ao nosso trabalho, tenho muitos amigos no segmento e todos sabem que pelo menos a quinze anos tenho me destacado como um grande colaborador para o engrandecimento da profissão de Gestor de Segurança e na redução dos índices de criminalidade nas Escolas e Universidades.


Revistafotonews - Quais são os objetivos do Portal Escola Protegida ?
Ulisses Nascimento - O Portal Escola Protegida está em construção, pois a sua primeira versão tratava de uma consultoria de Análise de Riscos em Escolas e Universidades e como era um Portal Comercial deveria gerar negócios, fato que não ocorreu.Como é de seu conhecimento estamos trabalhando em uma nova configuração e que poderá ser mais interativa com professores, alunos e todos que estão no meio escolar. As pesquisas continuam e estamos recebendo várias demandas de outras cidades e pelas redes sociais todos poderão obter informações, inclusive pela Revista Fotonews.
Minha nova Consultoria está criando uma revista eletrônica sobre o segmento e estaremos lançando em breve, inclusive com treinamentos para professores e reportagens inéditas sobre o ambiente escolar no Brasil.


Revistafotonews - Como é a Segurança nas Escolas?
Ulisses Nascimento - A Segurança nas Escolas públicas e privadas do Brasil ainda é muito amadora, pois não há o comprometimento das altas direções e de governantes em realizar um trabalho profissional, estamos falando sobre a segurança nas escolas do Brasil inteiro, desde as regiões ribeirinhas da Amazônia até o Sul do Brasil. As edificações são problemáticas e muitas não oferecem o mínimo de condições para o exercício de profissão dos professores.
Segurança em Escola começa com a construção do prédio, sua localização e aparelhos para todas as atividades, a segurança do trabalho não pode ser negligenciada com a formação de Brigadas de Incêndio e CIPA, a patrimonial deve cuidar para que haja um diagnóstico sobre crime e violência e a análise de riscos deve ser feita por profissional especializado e uma política de segurança deve ser feita por uma equipe multidisciplinar.
A violência nas escolas é um problema mundial que está causando muitas perdas para as comunidades, famílias e empresários do segmento. As verbas pagas com Segurança não são despesas e sim, um investimento.


Revistafotonews - Existe uma preocupação das escolas Públicas com a Segurança ?
Ulisses Nascimento - Como falei anteriormente existe um amadorismo, todas as escolas adotam modelos particulares e próprios de cada região mas deixam a desejar, em muitos Estados do Brasil como SC,RS,MT e DF existe a preocupação da criação de Núcleos de Segurança Escolar e até a criação de Consegs Escolares, onde diversos membros e autoridades discutem estratégias para a redução de ocorrências principalmente de furtos e roubos, agressões físicas e verbais, atropelamentos, vandalismo, drogas etc.
Os governos devem investir em Gestão Integrada de Segurança e dotar os orçamentos de verbas para este fim específico.
Em São Paulo, a legislação sobre o tema é muito antiga e vários governos pretenderam criar seus Planos de Segurança Escolar, aqui a Polícia Militar e a Metropolitana estão de parabéns pelo trabalho com as Rondas Escolares.
No município de São Paulo temos a Lei 14492 de 31Jul07 - da Área Escolar aprovada pela câmara dos vereadores, que foi idéia do professor e vereador Elizeu Gabriel.


Revistafotonews - Como a Segurança Privada pode colaborar com as Escola ?
Ulisses Nascimento - Como os quadros de vigias e profissionais de portaria das Escolas a muitos anos não estão sendo contratados , vejo como uma grande oportunidade a contração de empresas especializadas em vigilância e portaria para o setor de segurança das escolas públicas e privadas no Brasil, inclusive em muitos centros de formação de vigilantes os cursos de controladores de acesso e segurança em escolas e universidades começam a ser ministrados, gerando uma mão de obra especializada para tratar com diversos públicos, da educação infantil até a universidade.
As empresas especializadas devem sempre reciclar seus colaboradores com especialistas na área, para garantirem a continuidade de negócios de seus contratos.
A Segurança privada já opera em diversas escolas e universidades particulares e públicas.


Revistafotonews - As escolas particulares tem se preocupado com a segurança dos seus alunos como deveriam?
Ulisses Nascimento -Muito, Luiz. As Escolas e Universidades particulares têm investido milhões de reais para garantir a segurança e conforto de seus clientes, colaboradores, professores, pais e responsáveis.
O Grupo Integrado de Apoio à Segurança do Ensino Superior do Estado de São Paulo ( GIASES ) que é apoiado pelo SEMESP foi criado a treze anos para que os gestores de segurança nas escolas e universidades pudessem trocar informações e experiências para reduzir a criminalidade nas Escolas.
O aperfeiçoamento dos gestores em planejamento de segurança e gestão de riscos de acordo com a ISO 31000 está a todo vapor, e esperamos que os investimentos continuem sendo maciços em campanhas de conscientização para a redução da violência.


Revistafotonews - O que pode ser feito para que nossas crianças tenham segurança?
Ulisses Nascimento - Para que nossas crianças tenham mais segurança é necessário que, desde o ambiente familiar ,elas estejam acostumadas e treinadas em prevenção de acidentes e orientadas para como agir com calma em situações de risco. O diálogo com pais e responsáveis e depois com amigos e professores pode fazer com que determinadas situações críticas não aconteçam, pois infelizmente, nossos jovens são o principal alvo dos traficantes de drogas e na própria residência sofrem violência doméstica. A escolha por uma instituição escolar que tenha tradição e que respeite os direitos das crianças e adolescentes, e que possua professores capacitados é um bom início, depois os pais poderão verificar as condições da edificação e planejar como será o dia a dia de seus filhos, o controle de acesso e identificação nas portarias e nos estacionamentos é rígido? O ambulatório médico tem profissional habilitado para tanto, o sistema de prevenção e combate a incêndio funciona, o gestor de segurança possui referências e treinamento para liderar, os alarmes funcionam, as câmeras de CFTV estão monitorando e gravando os fatos?
Temos todas as condições de dar a segurança que nossos filhos merecem a partir do momento que recebamos as informações de segurança e possamos prevenir todas as situações que dêem aos nossas jóias preciosas o melhor estudo e formação.


Revistafotonews - Quais são os tipos de acidentes mais comuns nas escolas ?
Ulisses Nascimento - Os acidentes mais comuns em escolas são as quedas e as lesões referentes à prática de esportes. A Escola deve estar preparada com um ambulatório e ter em seus arquivos os históricos médicos de cada aluno, além do fone dos responsáveis para que em caso de emergências médicas o pronto atendimento e resposta possa garantir a vida do aluno.
Devem ser criados protocolos e planos de emergência pelo setor de Segurança da Escola, um grande exemplo de planejamento de segurança é o da Fundação Salvador Arena que conheci no ABC de São Paulo.
Os atos e as condições inseguras devem ser estudadas pelo SESMT da instituição e a prevenção de acidentes , ser norma para que todos sigam no dia a dia.
Os professores devem ter conhecimento de primeiros socorros para que quedas, cortes, queimaduras,fraturas,desmaios, engasgamentos sejam tratados com urgência.


Revistafotonews - As normas de Segurança estão sendo respeitadas?
Ulisses Nascimento - Infelizmente as Normas de Segurança somente existem em determinados setores como no Trânsito, transporte Escolar, Segurança do trabalho, segurança de informações, edificações, AVCB do Corpo de Bombeiros e após uma breve verificação vemos que temos que evoluir muito culturalmente neste quesito que é a obediência a lei e as normas.
Para a Segurança Corporativa, e Patrimonial ainda teremos que estudar e compor os Grupos de Estudos da ABNT para que normas do setor sejam criadas.
Os professores tem um importante papel de multiplicadores de cultura de segurança, pois a partir deste momento poderemos ter a escola como um ambiente de Paz.
A UNESCO possui trabalhos na área e esperamos que o Amigos da Escola e o Criança Esperança possam melhorar as condições de segurança em nossas escolas e as balas perdidas não matem nossos alunos e nossos sonhos no ambiente escolar.


Revistafotonews - Como é a segurança nas escolas em outros Países?
Ulisses Nascimento - O Portal Escola Protegida, o GIASES, e a Grans Nascimento Brasil estão estudando a muitos anos a situação da segurança escolar no mundo, e esperamos em breve fazer um grande evento para profissionais da área de educação para trocar figurinhas, sabemos que a FAAP trouxe a pouco tempo especialistas de Nova YorK para debater a questão do Programa Tolerância Zero – Choque de ordem nos USA para a área Educacional e esperamos que todos possam aprender muito com o evento a ser planejado.
Nos USA temos o problemas dos classroom killers, fatos que todos recebemos informações das graves ocorrências, na Colômbia o exército toma conta das Escolas , no Brasil temos diversas realidades mas no RJ a situação é crítica com escolas em áreas de guerra urbana.
No Japão temos uma grande incidência de suicídios, na África as gangues atacam a cada momento, na Rússia tivemos a tragédia de Beslam, na Índia centenas de crianças morrem em incêndio em escolas de lata, na Europa a preocupação com terrorismo faz com que hajam muitos treinamentos e planos de evacuação e o projeto mais avançado é o Escola Segura de Portugal.
A segurança escolar deve ser um tema para ser discutido pelos presidenciáveis , inclusive já pedimos um encontro com o senador Cristovam Buarque e com o candidato José Serra pois está sendo discutido em Brasília o PLS 191/08 sobre a criação da Agencia Nacional de Segurança Escolar do MEC.


Revistafotonews - Funcionários, Alunos e Professores estão seguros hoje nas escolas?
Ulisses Nascimento - Creio que a Segurança é uma das maiores necessidades do ser humano, e deve ser garantida por todos. Sua escola ou universidade deve estar atenta aos perigos e aos riscos a que estão expostos pois não é só de controle de acesso e identificação que podemos falar , mas a segurança nos laboratórios de química, a PREVENÇÃO DE ACIDENTES E O SISTEMA DE PREVENÇÃO DE INCÊNDIOS , as Rondas Escolares, os Consegs, o trânsito no entorno etc
Todos devem estar comprometidos com a segurança pois o perigo compromete a existência das pessoas, das instituições e dos negócios.

SEGURANÇA EM UNIVERSIDADES




PORTEIROS ESCOLARES


TRANSPORTE ESCOLAR NOS ESTADOS UNIDOS


SEGURANÇA É RESPONSABILIDADE DE TODOS !


BULLYING NÃO É BRINDADEIRA !


DICA DE LEITURA PARA OS EDUCADORES


BRADO ASSOCIADOS / CONSULTORIA DE SEGURANÇA


VÍDEO VIGILÂNCIA NAS ESCOLAS


DROGAS ? DIGA NÃO.


REVISTAS PESSOAIS NAS ESCOLAS. VOCÊ É A FAVOR OU CONTRA ?


PREVENIR EDUCANDO / DROGAS NA ESCOLA


SEGURANÇA EM ESCOLAS DOS ESTADOS UNIDOS


DICA DE LEITURA / DROGAS NAS ESCOLAS


ESTAR PREPARADO É FUNDAMENTAL


quinta-feira, 10 de abril de 2014

ADOLESCENTE ESFAQUEIA COLEGAS NOS ESTADOS UNIDOS


ATAQUE COM FACAS EM ESCOLA DA PENSILVÂNIA

Pelo menos 20 pessoas ficaram feridas por "múltiplas facadas" em um ataque nesta quarta-feira (9) à escola americana Franklin Regional High School, em Murrysville, na Pensilvânia. Dezenove estudantes e um vigia da escola ficaram feridos, segundo as equipes de emergência. Um adolescente de 16 anos suspeito de cometer o crime foi detido, de acordo com a polícia local.
Entre os estudantes feridos estão adolescentes com idades entre 14 a 17 anos, Oito feridos (sete alunos e o adulto) estão em estado grave, porém estável. Quatro foram socorridos de helicóptero.
A polícia foi acionada às 7h13 locais (8h13 de Brasília), cerca de 15 minutos após as portas da escola terem sido abertas, segundo a emissora NBC.
Segundo o diretor da polícia local, Thomas Seefeld, o estudante de 16 anos que foi detido estava com duas facas. A identidade do suspeito ainda não foi divulgada. O rapaz – que sofreu ferimentos nas mãos e recebeu tratamento – foi encaminhado ao Departamento de Polícia de Murrysville.

LEMBRETE