quinta-feira, 25 de abril de 2013

COSE - MANAUS


Manaus tem queda de 50% nos casos de violência nas escolas municipais
25 Abr 2013 . 07:00 h . Karina Palmeira . portal@d24am.com
O Centro de Operações, criado em 2012 pela Prefeitura para prevenir a violência nas instituições de ensino, foi implantado nas 493 escolas municipais em Manaus e na zona rural.



Manaus - Dados do Centro de Operações Escolar apontam que este ano diminuiu em 50% a violência dentro das escolas municipais em Manaus, comparado a 2012.
Para o secretário de Educação, Pauderney Avelino, o índice diminuiu devido às operações nas escolas. “Reduziu muito porque nós temos um sistema de monitoramento das escolas e estamos tornando esse mecanismo mais eficiente com as câmeras e parceria com Ciops e Ronda nos Bairros”, disse ele.
O Centro de Operações, criado em 2012 pela Prefeitura de Manaus para prevenir a violência nas instituições de ensino, foi implantado nas 493 escolas municipais em Manaus e na zona rural.
Devido a brigas de alunos na última sexta-feira, dia 19, na Escola Municipal Jarlece Conceição Zaranza, o secretário Pauderney Avelino esteve no local na manhã de ontem para solucionar o problema.
“Viemos para conversar com a diretora e verificar que foi apenas um caso isolado e não vai acontecer mais, pois estamos reforçando a segurança não só aqui, mas nas outras escolas, onde será colocado segurança armado para impor respeito dentro da escola”, afirmou o secretário.
Segurança
Devido ao grande aumento de problemas relacionados à segurança nas escolas, a Prefeitura de Manaus lançou em 2012 o Centro de Operação de Segurança Escolar (Cose) com o objetivo de melhorar a segurança nas escolas municipais, garantindo um ambiente de paz e ordem.
O Cose possui uma estrutura composta por sistema de monitoramento remoto, controle de acesso para escolas municipais. O controle acompanha as escolas 24 horas por dia através de sistemas de alarme e videomonitoramento remoto que em caso de ocorrência, acionam imediatamente a central de operações.
O centro de operações age para proteger patrimônio físico, alunos, professores, diretores e colaboradores. E funciona 24 horas, nos sete dias da semana, incluindo feriado.
Além da segurança nas escolas, a Secretaria Municipal de Educação (Semed) tem o objetivo de antecipar as metas do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) de 2016 para 2013. Criado em 2007, o Ideb mede a qualidade de cada escola e de cada rede de ensino no País. Também está sendo avaliado o projeto de alimentação integral nas escolas, onde os alunos têm direito a café da manhã, almoço, lanche, com cinco refeições no dia.
De acordo com a Semed, outra ideia é fazer um concurso público para os professores, ampliar as escolas de tempo integral, com aulas em turnos e contra-turnos, e ainda dinamizar o programa Mais Educação, que hoje já funciona em 256 escolas da rede municipal.


Nenhum comentário:

Postar um comentário