quinta-feira, 14 de março de 2013

O EXEMPLO DA PREFEITURA DE MANAUS


Combate ao vandalismo nas escolas municipais tem aliado eletrônico
Centro de Operações de Segurança Escolar (COSE) recuperou 43 computadores roubados na Escola Municipal São José no último mês de fevereiro


O combate ao vandalismo nas escolas municipais tem sido mais eficaz com a ajuda da tecnologia. Desde a sua criação, o Centro de Operações em Segurança Escolar (COSE) vem ajudando na recuperação de bens roubados dentro das dependências das unidades de ensino e inibindo ações de bandidos dentro da comunidade escolar. Somente no mês de fevereiro foram registradas a recuperação de 84 objetos.
No último dia 12, a Escola Municipal São José, localizada no Km 53 da Rodovia AM 010,  foi assaltada e foram furtados 43 netbooks do Sistema de Ensino Positivo. Com a ajuda das câmeras de segurança do COSE em apenas 48h foi possível a recuperação dos equipamentos.
O COSE, além de trabalhar no monitoramento das escolas tem a responsabilidade, em casos de furtos não recuperados, de devolver à Semed os materiais roubados, evitando prejuízos à Secretaria.
Funcionamento


O Centro de Operações de Segurança Escolar (COSE) funciona em uma sala equipada com monitores, onde podem ser vistas as imagens das câmeras de seguranças espalhadas pelas escolas. O sistema de vigilância eletrônica tem cerca elétrica invisível, sensor presencial, alarme e vídeo-monitoramento interligado 24h com o CIOPS da Polícia Militar. Em caso de ocorrência, uma patrulha da polícia é deslocada para o local.
Na Escola Municipal João Alfredo, no Bairro da Paz, a instalação de seis câmeras do COSE, segundo relatos de alunos e professores, acabou com a ação de traficantes e tem inibido brigas entre alunos dentro da unidade de ensino.


Nenhum comentário:

Postar um comentário